Sobre a Rota das Terras Encantadas

O Consórcio de Desenvolvimento Sustentável Rota das Terras foi criado em 1997, através da união do poder público e iniciativa privada. A designação “Rota das Terras” significa que na terra tudo brota, cresce e produz frutos. 
No ano de 2009, a Rota das Terras foi titulada pela Secretaria de Turismo do Estado - SETUR - RS, como uma das Regiões Turísticas, uma importante conquista onde o reconhecimento pelo trabalho de diversos setores foi reconhecido. Em janeiro de 2010, o Condesus Rota das Terras, na busca pelo fortalecimento regional, integrou-se com o COMAJA - Consórcio de Desenvolvimento Intermunicipal dos Municípios do Alto Jacuí e Alto da Serra do Botucaraí (RS).


Em 2011 a Rota das Terras realizou a Conferência Regional de Turismo, promovida pela Setur/RS, contando com a participação dos representantes municipais de turismo, empresários, trade e poder público.
Em março de 2012, foi lançado junto ao evento de comemoração dos 15 anos da entidade, a nova logo marca e o novo slogan, com o intuito de cada vez mais valorizar as potencialidades locais, tanto no âmbito cultural como natural, e ainda atrair mais turistas, a Rota das Terras passou a se chamar: Rota das Terras Encantadas: Recantos, contos e histórias do povo gaúcho.

 

Uma terra de belezas culturais e naturais

A busca do contato direto com a natureza, com a história, com a agricultura e com as tradições regionais é celebrado pelo Turismo Rural que deu origem à Rota das Terras Encantadas. Uma terra onde tudo brota, cresce e produz frutos, que valoriza o seu patrimônio cultural e natural.

Atualmente Rota das Terras Encantadas encontra-se em ascensão, sendo conhecida nacionalmente e internacionalmente, apresentando várias opções de turismo: turismo de conhecimento, de negócios, de eventos, ecoturismo, de lazer, cultural e gastronômico, através dos roteiros oferecidos pelas agências de viagens e turismo.

Integram a Rota 18 municípios consorciados: Boa Vista do Cadeado, Boa Vista do Incra, Carazinho, Colorado, Cruz Alta, Espumoso, Fortaleza dos Valos, Ibirubá, Lagoa dos Três Cantos, Não-Me-Toque, Quinze de Novembro, Saldanha Marinho, Salto do Jacuí, Santa Bárbara do Sul, Selbach, Tapera, Tio Hugo e Victor Graeff. Em conjunto, esses municípios buscam desenvolver o turismo como atividade de desenvolvimento, valorizando as belezas culturais e naturais existentes em nossa região.